Músico e Produtor Independente – Alcançar Público Parte I

Olá queridos visitantes! Ontem publiquei em minha conta do facebook a importância de estudar as ferramentas da web 2.0 para poder alcançar o seu público e ter um retorno 10x maior do que o convencional. Essa é a primeira parte de dois artigos.

É um assunto que não pretendo explorar muito, mas muitos amigos estão me perguntando muito interessados no assunto e resolvi fazer uma série de posts compartilhando o que aprendi nessa área.

Hoje em dia se você notar estamos sendo bombardeados por super promoções, e vários sites prometendo mundos e fundos, que farão você mudar praticamente a sua vida. E realmente isso funciona, e é muito fácil, é tão fácil que hoje na internet brasileira temos praticamente um mercado saturado de porcarias, isso mesmo, infelizmente nada é perfeito.

Com a extrema facilidade e ferramentas gratuitas para ter um sistema de marketing digital disponíveis a qualquer um, temos a disposição muitos serviços duvidosos.

O porque disso é simples. Na internet ao contrário do áudio, da produção musical, as ferramentas são mais importantes do que o seu conteúdo. Acredito que você já tenha adquirido algum produto ou pelo menos ficou tentado em comprar de alguém que usa muito bem essas ferramentas, mas o conteúdo dessas pessoas não é la essas coisas. Isso está acontecendo muito. Então o primeiro conselho que vou deixar é: Capriche no seu conteúdo, faça diferente, seja criativo, ou em pouco tempo você terá o seu filme queimado para nunca mais aparecer na cena novamente. Essa é uma das características da internet, você não pode errar, não deixe o desespero e a ansiedade guiar sua mente nessa hora.

Um dos primeiros erros das pessoas é depender 100% das redes sociais, esse é um erro grande que pode acabar com você. Um exemplo que quebrou as pernas de muita gente foi quando o Facebook limitou a quantidade de visualizações dos posts em suas Fan pages. Quem não tinha outro esquema de divulgação praticamente perdeu público e consequentemente perdeu muita grana. Conheço artistas que simplesmente desistiram. Isso vale também para Youtube e outras redes.

Você deve usa-las, explorar ao máximo os recursos dessas rede sociais, o que você não pode é apostar todas as suas fichas nisso, você precisa buscar antes de tudo sua independência. Ter controle do seu público.

O seu próprio espaço!

É impressionante como a grande maioria dos músicos e produtores não tem um site, ficam dependendo de espaços de terceiros a vida toda. Isso vale também para quem abre sites em serviços gratuitos, isso tudo deixa você dependente das oscilações dessas empresas e não oferecem nenhuma garantia para você, afinal de contas você não está pagando nada, eles não tem obrigação de manter esse serviço para você, e do dia para noite o seu sonho pode ser pulverizado sem aviso prévio.

Não importa o quanto você é bom no que faz, sempre vai ter alguém que não conhece o seu trabalho e vai julga-lo pela primeira aparência, e essa impressão é capturada em poucos segundos, e não tem volta.

Conheço vários produtores bons, excelentes e até com um bom publico, mas erram feio em ficar só em grupos de facebook, o cara que ta chegando hoje não vai leva-lo tão a sério como se encontrasse ele em um site bem estruturado. Você vai ser visto por essa pessoa sempre como amador, por mais profissional que você seja.

Outro problema de músicos e produtores é o orgulho exacerbado, muitos pensam que estão fazendo algo certo e detonando, quando na verdade estão apenas sendo guiados por likes vazios, não tem retorno algum da audiência que alcançam em seus grupos de facebook, é muito triste ver essas pessoas negligenciando todo o poder que a internet oferece. Na verdade esse orgulho vem acompanhada de uma zona de conforto absurda.

É comum ver essas pessoas reclamando de outras pessoas que estão usando bem o Marketing Digital, já vi produtores populares falando mal disso sem ao menos tentar algo parecido, o que soa como inveja. Cuidado para não fazer como essas pessoas, eles estão se dando mal, por isso precisam criticar aquele cara que começou ontem e está com um publico muito maior do que o dele, e sempre crescendo 🙂

Hoje em dia abrir um site é muito fácil, basta você registrar um domínio (Ex: www.sombinario.com) , pode ser .com, .com.br, ou até .music, .band, hoje em dia temos uma vasta lista de opções para o seu domínio.

Ter um domínio próprio na internet vai deixar sua marca mais profissional, as pessoas vão passar a ver você de uma outra perspectiva.

Dicas:

  • Escolha uma boa empresa de hospedagem com know how no mercado, recomendo a Hostgator.
  • Monte o seu site com o WordPress, é fácil e até uma criança consegue administrar.
  • Invista em um theme (visual) atraente.

Email Marketing

Email_Marketing

A grande maioria das pessoas na internet checam os seus emails pelo menos uma vez por dia, a maioria faz isso várias vezes ao dia.

É primordial que você tenha configurado no seu site um serviço de email marketing para poder se relacionar com o seu público. Aqui você já deu um grande passo rumo a sua independência.

Existem vários serviços de Email Marketing disponíveis, muito deles gratuitos até uma certa quantidade de emails, segue abaixo alguns serviços ótimos:

  • www.mailchimp.com
  • www.getresponse.com
  • www.e-goi.com.br
  • www.mailrelay.com/pt/

Você encontra uma infinidade de serviços pesquisando Email Marketing no Google, explore e escolha a melhor opção para você.

Então vou ficando por aqui, essa semana ainda volto com a continuação dessas dicas super importantes que vão mudar praticamente a forma de como você interage com a sua audiência.

PARTE 2

Jorge Binário

Jorge é musico, compositor, artista, produtor musical, blogueiro, louco por áudio e tecnologia. Fundou o blog SomBinário em 2012 e desde então vem desenvolvendo serviços online direcionados ao ensino de ferramentas de manipulação de áudio, técnicas de mixagem, masterização e serviços de mixagem online para clientes de todo o globo terrestre, sem fronteiras.

Website: https://www.sombinario.com

4 Comentários

  1. Bob Costa

    O blog é legal e acredito ter bastante conteúdo de qualidade, mas tá pecando no excesso de popups redirecionamento e remarketing. Nesse exato momento não vendo o texto que escrevo justamente por ter um popup enorme tomando toda a tela no meu smartphone foi bem difícil conseguir ler o artigo e confesso a você que fiquei tão chateado que vou avaliar a possibilidade de não mais voltar ao Blog

    • Jorge Araujo

      é por isso que tem um X para poder fechar.

  2. Wagner Melo

    Por incrível que pareça, eu estava refletindo sobre tudo isso cerca de uma semana atrás. Valeu, Jorge!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *